• 22 de julho de 2024

udiciário: Comarca de Erechim é elevada a entrância final

 udiciário: Comarca de Erechim é elevada a entrância final

Foi realizado, no final da tarde de quarta-feira (10) a solenidade de entrega do ato administrativo de elevação de entrância de comarca de Erechim de intermediária para final, condição que qualifica o local como polo regional da Justiça, dinamizando o trabalho de advogados e demandantes.

O ato, que contou com a presença do prefeito de Erechim, Paulo Polis, aconteceu no Foro da Comarca, e foi conduzido pela presidente do Tribunal de Justiça do Estado, desembargadora Iris Helena Medeiros Nogueira e pelo diretor substituto da Comarca, doutor Marcos Agostini.

“Todas as grandes conquistas são coletivas e essa foi uma delas, juntando a demanda e determinação do Judiciário com a força dos atores políticos locais e regionais se conseguiu esse avanço importante, que trará com certeza uma maior agilidade para as demandas judiciárias regionais de 14 cidades que representam essa comarca”, disse o prefeito de Erechim, Paulo Polis.

O que significam as mudanças

As Comarcas gaúchas são divididas entre as de entrância inicial, intermediária e final, de forma que, a cada nível, a capacidade da Comarca é maior. Com isso, a verba recebida aumenta, e há um crescimento no número de servidores, dentre outros fatores, que acaba por resultar em melhorias na prestação jurisdicional, de forma que a sociedade é melhor atendida no Judiciário. Com isso, a atuação da advocacia em favor dos jurisdicionados também se torna mais forte.

RS Norte

Noticias Relacionadas