• 17 de maio de 2024

O SOL VOLTOU – HORA DE RECONSTRUIR

 O SOL VOLTOU – HORA DE RECONSTRUIR

Em Iraí, no Norte do Rio Grande do Sul, um dos municípios afetados pela enchente e aumento do nível do rio Uruguai, várias famílias ainda não retornaram para suas casas. Nesta manhã o Centro Hidroterápico Osvaldo Cruz ainda estava cercado pela água a uma altura de 80 cm.

O prefeito Antonio Vilson Bernardi disse que a situação começa a volta à normalidade com o sol voltando. “Agora é concluir os levantamentos das perdas, especialmente pontes, estradas e pontilhões, além da agricultura, e reconstruir e tocar a vida”, afirmou Vilsinho.

Iraí decretou Estado de Emergência na semana passada.

Em toda a região foram registrados danos no sistema viário – estradas de chão batido, pontes e pontilhões – foram registrados danos. Com a estabilidade do tempo é hora de reconstruir, recuperar.

Destaca-se que também foram registradas perdas na agricultura, não apenas na região, mas em todo o Rio Grande do Sul.

MORTES  E DESAPARECIDOS

A Defesa Civil Estadual atualizou na manhã deste domingo os números da tragédia em decorrência das chuvas no Rio Grande do Sul. A pasta informa ainda que tem atuado para atender a população afetada e garantir a segurança da população. Segundo a instituição, subiu para 66 o número de mortes confirmadas e para 101 os desaparecidos.

https://dff896c52f89819357fe51e03636bca0.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-40/html/container.html Há também outras seis vítimas fatais que estão em investigação se as mortes têm relação com os eventos meteorológicos ocorridos no RS. Além disso, já são 332 municípios atingidos, com 707.190 gaúchos afetados pelos transtornos causados pelas chuvas no RS. Até o momento, a Defesa Civil Estadual contabiliza 80.573 pessoas desalojadas, 15.192 pessoas em abrigos e outras 155 feridas.

RS Norte

Noticias Relacionadas