• 20 de abril de 2024

Vitrola comercializa mais de 1,5 milhão de livros em 2023

 Vitrola comercializa mais de 1,5 milhão de livros em 2023

As vendas aconteceram através dos seus mais de 3 mil pontos de vendas espalhados pelo Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo

Com o fechamento do balanço de resultados de 2023, a Vitrola, editora e distribuidora de livros, celebra um período de muitas conquistas. A empresa gaúcha registrou a comercialização de mais de 1,5 milhão de livros no período. As vendas aconteceram através dos seus mais de 3 mil pontos de vendas espalhados no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo, além de e-commerce próprio e de parceiros.

Um verdadeiro case de sucesso no Brasil, a Vitrola é a única empresa no País que trabalha com esse formato de distribuição, fazendo a gestão dos mais de 3 mil pontos de venda alternativos. Além disso, a Vitrola é destaque no desenvolvimento de práticas de democratização da cultura, oportunizando o acesso à leitura em todo o território nacional.

Com 36 anos de atuação, a Vitrola possui sede na cidade de Frederico Westphalen e atua na distribuição de livros, posicionando-se entre as 10 maiores companhias do Brasil neste segmento, e comercializando as obras para pontos de vendas que englobam livrarias, supermercados, farmácias, restaurantes, cafeterias, conveniências, postos de combustíveis, papelarias, entre outros.

A logística rápida e eficiente é um dos principais diferenciais da Vitrola e auxilia na distribuição e entrega dos livros em muitos locais dos quatro Estados atendidos. Este fato também foi um fator decisivo e incentivador para o outro pilar de atuação da empresa: a editora. Com selo próprio para novos autores e destaque na publicação de clássicos da literatura, a editora Vitrola possui títulos já consagrados no mercado e oportuniza, de maneira única, que os mesmos tenham uma grande capilaridade de suas obras. No último ano, títulos da editora figuraram nas listas de mais vendidos do país, como no portal PublishNews e na revista Veja. Desde sua fundação em 2020, mais de 270 mil livros foram comercializados com o selo da editora Vitrola.

“Desde a sua fundação, a Vitrola sempre se caracterizou por antecipar e inovar diante das mudanças apresentadas pelo mercado. É gratificante podermos olhar para o balanço de 2023 e enxergarmos avanços em nossos objetivos, tanto como distribuidora quanto editora, alcançando números expressivos de faturamento e comercialização de obras. Além disso, lançamos livros de diversos autores, o que muito nos orgulha”, afirma Ramir Severiano, fundador e diretor da Vitrola.

Para 2024, a empresa busca fortalecer o crescimento obtido no último ano e a continuidade do processo de expansão nacional. Consolidada na Região Sul, a Vitrola intenta, ao longo de 2024, a ampliação de pontos de vendas e maior share de mercado no estado de São Paulo.

“Temos um horizonte muito próspero pela frente. Nossos objetivos estão alinhados ao que os consumidores procuram e queremos ter cada vez mais presença digital, mas sem esquecer dos pontos físicos, que ainda representam a maior parte de nossas vendas”, observa Severiano. “Acreditamos que nosso processo logístico eficiente será fundamental para nos estabelecermos cada vez mais no mercado e fortalecer o selo da editora, oportunizando que autores possam apresentar suas obras para todo o Brasil”, completa.

Sobre a Vitrola 

Fundada em 1987, a Vitrola tornou-se sinônimo de cultura, qualidade e inovação. A sua trajetória começou como locadora de filmes VHS, no município de Iraí, região noroeste do Rio Grande do Sul. Localizada atualmente em Frederico Westphalen, a trajetória da empresa perpassa pela distribuição de CDs e DVDs, em que obteve destaque nacional, estando entre os maiores players do país na época. Em 2011, passou a trabalhar com a distribuição de livros, consolidando-se primeiro no mercado gaúcho e, posteriormente, em outros Estados, contando atualmente com mais de 100 colaboradores, envolvidos em todo o processo de produção e distribuição dos livros. Em 2020, foi iniciada a editora com selo próprio, lançando obras de autores brasileiros novos e consagrados, além de se destacar na publicação de clássicos com projetos gráficos diferenciados. Além disso, a Vitrola conta também com três livrarias franqueadas, lojas que levam o nome da empresa em Frederico Westphalen, Lajeado e Santo Ângelo.

RS Norte

Noticias Relacionadas