• 28 de maio de 2024

Mais promessas para a cadeia leiteira

 Mais promessas para a cadeia leiteira

Esperávamos mais do governo federal. Hoje, o que vimos ser anunciado pelos ministros da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário é mais do mesmo. Apenas “medidas que ainda serão estudadas”.

O governo federal ainda não entendeu a gravidade da situação. Desde março alertamos sobre a crise e que ela iria piorar. Na semana passada, em Frederico Westphalen, bloqueamos a BR-386 para mostrar que o setor não quer mais promessas. Quer ações.

Com exceção da compra pública via Conab, que é importante, mas paliativa, o restante das medidas ainda está em formulação.

Não nos resta outra alternativa do que fazer mais mobilizações. Desta vez, com o apoio das demais federações e da Contag, vamos ampliar o alcance do grito de agricultores e agricultoras familiares, que precisam de apoio para seguir na atividade.

Para o dia 11 de outubro, vamos reunir a categoria para um grande ato em defesa de quem produz um dos alimentos mais completos que o ser humano consome.

Se medidas concretas não forem anunciadas com urgência, a cadeia leiteira brasileira vai morrer. É isso que o governo quer? Esperamos que não.

Chega de reunião. Queremos solução.

RS Norte

Noticias Relacionadas