• 18 de maio de 2024

Estado distribui mais de 1,2 mil cestas básicas a garimpeiros de Ametista do Sul e região

O governo do Estado, por meio da Secretaria de Assistência Social (SAS), entregou, nesta semana, 1.230 cestas básicas a garimpeiros de Ametista do Sul e mais quatro cidades. A região foi afetada pela suspensão das atividades em minas do Norte gaúcho. O objetivo da iniciativa é amenizar a situação vivida por trabalhadores e suas famílias, que perderam a principal fonte de renda e ainda aguardam decisão judicial sobre a retomada das operações nos garimpos.

A primeira ação de assistência alimentar ocorreu na quarta-feira (30/8), em Frederico Westphalen, onde foram distribuídas 100 cestas básicas. Nesta quinta (31/8), foi a vez de Ametista do Sul receber 1.130 unidades, que vão beneficiar também os garimpeiros de outras três cidades: Iraí, Rodeio Bonito e Planalto. No total, foram destinadas cerca de 30 toneladas de alimentos aos cinco municípios.

“Esta é uma ação que visa enfrentar a insegurança alimentar das famílias dos garimpeiros que estão sem condições de produzir e gerar seu sustento”, explicou o secretário adjunto da SAS, Gustavo Saldanha, presente na cerimônia de entrega em Ametista do Sul. “Seguimos monitorando a situação para que possamos garantir a alimentação dessas pessoas que se encontram, neste momento, em situação vulnerável.”

Suspensão das atividades

As atividades nos garimpos seguem interrompidas desde o final de julho, depois que uma ação de fiscalização promovida por diversos órgãos federais e estaduais constatou o uso indevido de explosivos em 27 minas, além de outras irregularidades. A Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Profissional (STDP) está acompanhando a situação.

“É importante ressaltar que estamos lutando junto aos órgãos competentes para que a retomada das atividades, de forma legal e sustentável, aconteça o mais rápido possível, já que a região depende delas”, disse o titular da STDP, Gilmar Sossella.

A estimativa é de que a paralisação tenha afetado cerca de 3,5 mil postos de trabalho no setor da mineração. Apenas em Ametista do Sul, onde o garimpo responde por 80% da economia, a ação atingiu mais de 800 trabalhadores.

“Agradecemos a sensibilidade do governo do Estado. Estivemos com o vice-governador Gabriel Souza e hoje recebemos os representantes das secretarias de Assistência Social e do Trabalho com essa importante ajuda”, disse o prefeito de Ametista, Jadir Kovaleski

As cestas básicas foram adquiridas com parte dos recursos repassados pelo Tribunal de Justiça (TJ-RS), dentro do Movimento Rio Grande contra a Fome. A entrega das unidades ficou a cargo da SAS – por meio do Departamento de Segurança Alimentar e Combate à Fome (DSA) – em articulação com os municípios beneficiados.

RS Norte

Noticias Relacionadas